NOVIDADE: Paddle shift agora presente em todos os Ceratos automáticos

Consultando o site da Kia ontem à noite, descobri uma boa novidade: a partir de agora todas as versões automáticas do Cerato contam com o paddle shift (câmbio borboleta atrás do volante) como item de série.

Antes exclusivo da top E.283, o equipamento agora está disponível para a versão E.273 (em substituição à E.272). Esta, aliás, é a única diferença em relação à anterior – de resto, freios ABS, ar digital, rodas 16″ e faróis de neblina estão entre os equipamentos de série, tudo pelos mesmos R$ 61.900 (preço sugerido no site).

8 pensou em “NOVIDADE: Paddle shift agora presente em todos os Ceratos automáticos

  1. Victor

    Aí é que está!! Provavelmente quando estas unidades chegarem nas concessionarias, vão estar com o preço “cheio”, de R$ 61.900,00.

    Ainda é possível encontrar versoes E283 por estes mesmos 61,9 mil … Para quem esta pensando em comprar o E273 com paddle shift sugiro procurar a versao top, aproveitando a promoção.

    Mas de qualquer forma, qdo os preços voltarem ao normal (que já vem ocorrendo), essa opcao será muito bem-vinda.

    Kia de parabéns.

    Abs

    Responder
  2. Edemilton

    Bom dia!!!

    Bem, fazer o que né. Eu comprei o E272 por um preço um pouco melhor (belo consolo). Mas alguma coisa eu tinha que sair perdendo né. Não era de graça que a negociação ficou boa.
    rsrsrsrs.

    Abraço a todos.

    Responder
  3. Victor

    Joystick foi boa KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    Eu fiz test drive num modelo com paddle shift. É show de bola, muito suaves as trocas e o conjunto motor/cambio responde de maneira excelente. Retomada de 60km/h para 120km/h, durante ultrapassagem, em pouquissimos segundos. Sem falar que o nível de ruído interno sempre lá em baixo…

    Mas concordo que piloto automatico cairia bem. Só senti falta de uma conexao bluetooth, poderia vir pelo menos como opcional, muito útil para atender o celular e evitar distrações.

    Abs

    Responder
  4. Angelo Valle

    Vou falar que tenho isso aí e só uso quando quero mostrar a algum amigo. É bem legal, mas no dia a dia a gente nem lembra que existe.

    Concordo que o Cruise seria mais interessante. Sinto falta até hoje disso, é minha única reclamação sobre o carro.

    Responder
    1. Eduardo Alves

      Angelo,
      Realmente, não é prático no uso diário, mas na estrada, descendo ou subindo serras, é excelente poder escolher qual a marcha deixar engatada…
      abraços

      Responder
  5. Dominguinhos

    Brasileiro insiste em pensar que é um piloto de provas depois de adquirir um pouco de prática, e quase sempre de forma errada. Se o concutor de veiculo automotor (é o que consta nas nossas cartas de habilitação; note: não é piloto) estiver obedecendo as regras gerais de trânsito, será perfeitamente possível usar o tal padlle em qualquer circunstância.
    braço gd

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *